VEM PRO GOOGLE

VOCÊ ENCONTROU O QUE QUERIA? PESQUISE. Nas guias está a matéria que interessa a você.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.

TENTE OUTRA VEZ. É só digitar a palavra-chave.
GUIAS (OU ABAS): 'este blog', 'blogs interessantes', 'só direito', 'anotações', 'anotando e pesquisando', 'mais blogs'.

terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

OAB SP VAI ADERIR AO EXAME DE ORDEM UNIFICADO E REALIZA 2ª FASE DO 137 NO DOMINGO

A Seccional Paulista da OAB integrará o próximo Exame de Ordem Unificado, que vem sendo aplicado desde junho de 2007 pelo Conselho Federal da OAB. Com essa adesão, o conteúdo e datas das provas em todas as Seccionais da Ordem no país , com exceção de Minas Gerais, serão as mesmas, na primeira e segunda fases. Segundo com o presidente da OAB SP, Luiz Flávio D’Urso, o acordo falta apenas ser formalizado, mas a decisão já está tomada.


O resultado da segunda fase será divulgado no dia 13 de março
“A OAB SP adiou a adesão ao Exame de Ordem Unificado para avaliar os resultados obtidos em outros Estados e hoje estamos convencidos do alto nível das provas e que temos mecanismos seguros para sua aplicação em todo o território nacional”, diz D´Urso.

Para o presidente da OAB SP, a inclusão de São Paulo no Exame de Ordem Unificado permitirá ao país ter uma visão realista e abrangente da qualidade do ensino jurídico, assim como de suas distorções. “ Somos um país com 1.088 Cursos de Direito e a cada dia o Exame de Ordem vem se confirmando como uma necessidade para mensurar o conhecimento básico do bacharel que chega ao mercado de trabalho”, ressalta D´Urso.


No próximo domingo (15/2) a OAB SP realiza a segunda fase do seu último Exame em nível Estadual. Onze mil e sessenta e três candidatos participam da prova. O número representa 48,97% dos 23.303 bacharéis que se inscreveram para a primeira fase do Exame, realizada no dia 11 de janeiro. Duas questões da fase inicial, de múltipla escolha, foram anuladas.

Segundo a Comissão de Estágio e Exame de Ordem, o conteúdo das provas e o gabarito só devem estar disponíveis entre quarta e quinta-feira (18 E 19) no site da OAB SP e a data de divulgação da lista de aprovados está prevista para 13 de março, após as 18 horas, no site da ORDEM – www.oabsp.org.br

A segunda fase do Exame de Ordem, que vale 10 (dez), compreende uma prova prático-profissional dividida em duas partes: a) redação de peça profissional, privativa de advogado; e b) cinco questões práticas, sob a forma de situações-problema. Tanto a peça profissional como as questões práticas versam sobre a área do Direito escolhida pelo candidato na ficha de inscrição. No caso, o bacharel teve que optar por uma das grandes quatro áreas do Direito: Civil, Penal, Trabalhista ou Tributário. Na capital, 1.681 candidatos optaram por Direito Penal, 1.342 por Direito do Trabalho, 648 por Direito Tributário e 532 por Direito Civil.

A redação da peça profissional terá o valor máximo de 5 (cinco) pontos e cada questão prática terá o valor máximo de 1 (um) ponto. Será aprovado o candidato que obtiver nota final igual ou superior a 6 (seis).

A prova terá a duração de cinco horas, com permanência mínima exigida do candidato de duas horas e trinta minutos. Será permitido consulta à legislação, livros de doutrina e repertório de jurisprudência. Será vedado, no entanto, a utilização de sinopses e roteiros de peças jurídicas, dicionários jurídicos e obras que contenham formulários e roteiros de peças jurídicas, além de questões sob a forma de perguntas e respostas, modelos e anotações pessoais, apostilas - mesmo editadas sob a forma de livro - e outras publicações sobre concurso de Exame de Ordem.

Também nessa fase, estão proibidas agendas eletrônicas ou similares, telefones celulares, bips, walkman ou outro receptor de mensagem, assim como o uso de lápis, lapiseira, borracha e/ou corretivo de qualquer espécie, protetores auriculares, relógios de qualquer espécie, óculos escuros ou qualquer tipo de chapéus ou boné.

O candidato flagrado portando qualquer um dos itens vetados ou cuja prova contenha qualquer elemento que permita a sua identificação terá sua prova anulada.

Não haverá segunda chamada de prova nem sua realização fora do horário, data, cidade e espaço físico previsto. Os candidatos podem confirmar seus locais de prova nos sites www.cespe.unb.br e www.oabsp.org.br. Recomenda-se ao candidato comparecer ao local de prova com antecedência mínima de trinta minutos. O bacharel deve levar consigo um documento de identidade original com foto, caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente e comprovante de pagamento da taxa de inscrição. Somente serão consideradas as respostas transcritas em tinta preta.

Na avaliação da prova prático-profissional, serão considerados o raciocínio jurídico, a fundamentação e sua consistência, a capacidade de interpretação e exposição, a correção gramatical e a técnica profissional demonstrada.

Assim como na primeira fase, cabe recurso à Comissão de Estágio e Exame de Ordem no prazo de três dias úteis, contados a partir da data de divulgação do resultado. Para recorrer da prova prática-profissional, o candidato deverá utilizar o Sistema Eletrônico de Interposição de Recursos, no endereço www.oabsp.or.br e seguir as instruções ali contidas.

Admitido o recurso, a prova será revista por uma comissão revisora formada por três membros da coordenadoria da Comissão de Estágio e Exame de Ordem, sendo a decisão deles irrecorrível.

fonte: OAB/SP
Postar um comentário

ITANHAÉM, MEU PARAISO

ITANHAÉM, MEU PARAISO
Um lugar pra chamar de meu. Com o coração. Meu de minha alma; meu de adoção, de coração.

Quem sou eu

Minha foto

Da capital, já morei entre verde e bichos, na lida com animais e plantas: anos de injeção, espinho de ouriço, berne, parto de égua e curva de nível, viveiros, mudas, onde encontrei tempo para lecionar inglês, alfabetizar adultos e ler livros, na solidão do mato. 

Paixões se sucederam e convivem até hoje: Contabilidade, Economia, Arquitetura (IMES, MACK), a chácara e, afinal, o Direito (FDSBC, cursos e pós graduações). No Judiciário desde 2005, planto, replanto, reciclo, quebro paredes, reconstruo, estudo, escrevo e poetizo, ao som de passarinhos, que cantam nossa liberdade.

Não sou da cidade, tampouco do campo. Aprendiz, tento captar o que a vida oferece, para que o amanhã seja melhor. Um mundo melhor, sempre.

Agora em uma cidade mágica, em uma casa mágica, na qual as coisas se transformam e ganham vida; mais e mais vida. Minha cidade-praia-paraíso, Itanhaém.

Nesta casa de espaços amplos e um belo quintal, que jamais é a mesma do dia anterior, do minuto anterior (pois a natureza cuida do renovar a cada instante o viço, as cores, flores, aromas e sabores) retomei o gosto pelo verde, por releituras de espaços e coisas. Nela planto o que seja bom de comer ou de ver (ou deixo plantado o que Deus me trouxe), colho, podo, cozinho os frutos da terra, preparo conservas e invento pratos de combinações inusitadas, planejo, crio, invento, pinto e bordo... sonho. As ideias brotam como os rebentos e a vida mostra-se viva, pulsante.

Aqui, em paz, retomo o fazer miniaturas, componho terrários que encantam, mensagens de carinho representadas em pequenas e delicadas obras. 

Muito prazer! Fique à vontade, passeie um pouco: questões de Direito, português, crônicas ("causos"), jardinagem e artesanato. Uma receita, uma experiência nova, um redescobrir. 

Pergunte, comente, critique, ok? A casa é sua e seu comentário será sempre bem-vindo.

Maria da Gloria Perez Delgado Sanches

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!

MARQUINHOS, NOSSAS ROSAS ESTÃO AQUI: FICARAM LINDAS!